Institucional
Notícias
Tamanho da letra - +
Página Inicial | Notícias | Notícias

12/07/2016, as 10h37

Levar em consideração apenas o especificado pela publicidade de um produto não costuma ser a forma mais eficaz de descobrir se os itens em destaque realmente são os mais presentes e significativos. Há barras de cereais, por exemplo, que enfatizam possuir grande quantidade de grãos, porém, ao observar a lista de ingredientes o que há de mais evidente são os açúcares e gorduras. A solução para isso é compreender o rótulo dos alimentos. É nele que consta a especificação do que está prestes a ser adquirido, tanto em relação a ingredientes, quanto de nutrientes, como vitaminas, fibras, minerais, carboidratos e gorduras. 

Pessoas que possuem diabetes precisam estar ainda mais atentas ao rótulo, pois um produto diet, por exemplo, não necessariamente está isento de açúcar. Já os hipertensos precisam ficar de olho na tabela nutricional, cautelosos quanto ao nível de sódio presente no alimento. Os intolerantes à lactose devem observar se na lista de ingredientes consta lactoalbumina, caseína ou caseinatos, qualquer um desses itens indica que há proteínas do leite de vaca no produto. 

Há ainda diversas outras orientações que servem como guia para as pessoas em geral, separamos abaixo, confira!  

notícias anteriores